Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://blogue velho.blogs.sapo.pt



Segunda-feira, 05.09.16

PORTUGAL FORA DO €URO ATÉ 2024

FORA DO €URO EM 2024

 

 

 

Não , não estou a falar de futebol! Comentadores desses já há em excesso!        Estou sim a falar de economia, que por acaso nem sou formado em qualquer academia, mas tenho doutoramento na universidade da vida e isso permite-me no mínimo, sentir e comentar o que sinto; - Se falhar nas previsões, não me ficará tão mal, como a todos os titulares de grandes títulos académicos.        A minha previsão é que Portugal estará fora do €uro até 2024.        Justifico a minha afirmação por uma das três causas:

-Ou a moeda única, por egoísmo e arrogância política, desaparece.        -Ou Portugal, por sobrevivência, inteligência e livre vontade sai da zona €uro.        -Ou Portugal em processo de auto extinção, acaba por ser expulso.        - Ninguém acredita, exceto o Dr. Passos coelho, ou o futuro presidente do CDS/PP, Dr. Nuno Melo, e mais uma dúzia de empresários e duas dúzias de candidatos permanentes a fundos comunitários, que a Zona €uro se mantenha, só porque a Alemanha e mais três satélites querem, veja-se que a Inglaterra; nem sequer assentou na Comunidade Europeia, quanto mais na zona €uro. Com os Outonos do Médio Oriente, com os desmedidos crescimentos na Asia, á custa de desumanidades, com os consequentes abaixamentos de influência dos EUA, com o êxodo dos pobres de África a caminho da terra prometida e com a desordem na Europa, a situação económica mundial virá a agravar-se ferozmente e aí quem tem prensa é que espreme a massa; - Claro que os vivaços de Estrasburgo e Frankfurt, vão espremer até nada ficar. Donde restará o Nada!

-A Portugal, penso restar uma precária solução: - Reunir homens e mulheres de pensamento próprio e atitudes humanas e solidárias, sem subjacência a doutrinas preconcebidas, nem submissões a caciquismos e acautelando todos os oportunismos.          Formar poder bastante para governar o País com o que o país possa ter, mobilizando sem rodeios todos os meios humanos e materiais disponíveis, sem mendigar nem se submeter a poderes esternos. Pagar as dívidas, contraídas para formar grandes fortunas, durante 900 anos, quando for possível, sem tirar o sustento, a saúde e a habitação de todas as pessoas, ainda que seja necessário usar bens alheios obtidos de forma pouco ou nada lícita. Para tal é necessário renegociar todos os tratados, todos.

- Portugal poderá ser extinto, se Portugal continuar a ser governado segundo os interesses dos grandes grupos financeiros e de políticas manhosas sem Pátria e a perder os seus melhores ativos, cairá cada vez mais na falência como País, como cultura, como princípios e costumes e forçosamente na inviabilidade. Logo o passivo supera o ativo e não restará outra solução senão a liquidação e a respectiva insolvência. Ponto. Sendo entregue a massa falida aos credores e seus lacaios como fieis depositários até virem novos donos, marcarem novas fronteiras e erguerem altos muros bem ao seu estilo. Enquanto isto a comunidade Europeia não deixará de empobrecer o povo até que nos retire todos os direitos plasmados nos tratados vigentes, conduzindo o País á situação de membro não de direito.        Isto chamar-se- há expulsão. JP

        

Autoria e outros dados (tags, etc)

por setblog às 18:28



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Posts mais comentados